Os vestígios da Citânia de Santa Luzia

Nos arredores de Viana do Castelo, no Monte de Santa Luzia, encontram-se os vestígios de uma citânia da Idade de Ferro (séculos VII a III a. C.). A Citânia de Santa Luzia, conhecida localmente como “cidade velha”, é um dos castros mais conhecidos do Norte de Portugal e, sem dúvida, um dos mais importantes para…

A antiga Estação de Mirandela

O norte de Portugal tem muitas estacões de comboios que já não são utilizadas desdes muitos anos. A antiga estação de Mirandela é uma delas, fechou há duas decadas quando a Linha do Tua parou definitivamente. A Linha do Tua era uma linha ferroviária com 133 kms que ligava a estação do Tua (Linha do…

As Queijadas de Sintra

Não se pode visitar Sintra sem comer um travesseiro ou uma queijada ou pastel de Sintra. De facto, Sintra possui varias pastéis, uma delas é a Queijada de Sintra, uma pequena e deliciosa tarte feita a partir de queijo fresco, açúcar, ovos, farinha e canela, envolvidas numa massa crocante e estaladiça. A história das queijadas de…

O Miradouro de Chaves

Não há melhor lugar que o Miradouro de São Lourenço em Chaves para apreciar a vista panorâmica da cidade. O Miradouro fica depois de um curva muito apertada antes da aldeia de São Lourenço, diagonalmente oposta a entrada do Restaurante O Miradouro, quando se toma a estrada em direção a Valpaços. Sempre que tenho visitas…

Chaves, o paraíso do fumeiro

Conhecida pela sua gastronomia rica e inigualável, a cidade de Chaves é destino gastronómico de excelência e tem numeros produtos gastronómicos. O mais notavel é o Pastel de Chaves mas também podemos falar do fumeiro, que tem as sua propria Feira. A Feira do Fumeiro começou esta tarde no Pavilhão Municipal (no âmbito do evento…

Sintra, paisagem romântica

Com os seus antigos baluartes, os seus palacios privados, os seus edifícios de estilo barroco, a região de Sintra que situa-se a poucos quilômetros de Lisboa, oferece uma paisagem atípica. A razão é que Sintra era um importante lugar do Romantismo no século XIX. Os artistas românticos eram convidados pela Monarquia Portuguesa e a aristocracia…

As origens da calçada portuguesa

Da mesma forma que os azulejos e o fado, a calçada portuguesa destaca-se entre os símbolos mais notáveis de Portugal e é relativamente recente (século XIX). A calçada é feita com pequenas pedras brancas de de calcário e pedras pretas de basalto cujos desenhos evocam a “idade de ouro” dos Descobrimentos e o mar (ondas,…